Espelho e Passarela : Dica: Quer um seriado para assistir? Breaking Bad! >

Dica: Quer um seriado para assistir? Breaking Bad!

Hoy, hoy, hoy!

Não é make, mas é tão bom quanto!
Terminei essa semana de assistir aquele que entrou para a história como um dos melhores seriados de drama: Breaking Bad.

"Previously, on AMC's Breaking Bad..."


A série é fantástica!
Sem spoiler e ligeiramente falando, trata da história de Walter White, um professor de química muito mega inteligente (genial, até) que se encontra, aos 50 anos, no fundo do poço. Mas lá, láááá no fundo. Quase encontrando petróleo.

O cara está old, a esposa dele está grávida (uma gestação não planejada), o filho mais velho dele tem paralisia cerebral, a casa está hipotecada e o salário dele rí de tudo isso no final, mas...MAS... para piorar, ele descobre que tem câncer. 
Até aí já deu para perceber o quanto frustrada é a vida do cara, né?! Isso porque, além de professor de química de ensino médio, ele também ocupa as horas vagas lavando alguns carros no lava-jato perto de casa, pra receber um pouco mais, porque... né.


Até aí, ok (como assim, Ok, Marina?!?! A vida do cidadão é muito zoada). O Walter está com câncer, bem perto da morte e vê que não vai conseguir deixar nada para o sustento de sua família e fica desesperado com isso. Torna-se claro que o medo dele não de morrer. É de morrer e deixar a família passando necessidade. Depois, com o caminhar da história, o Walt descobre que a solução dos seus problemas está em usar os seus conhecimentos para fabricar metanfetamina, uma droga altamente viciante. Isso passa a ser uma coisa, no mínimo, engraçada, considerando que o cunhado do Walt é um agente da Polícia de Narcóticos.


Um ponto que me agradou muito na série é que há uma mistura de indignação e aceitação, e as vezes drama e comédia. Isso tudo junto. 
O brilhantismo do Walt é tamanho que, em muitos momentos, uma atitude repugnante e criminosa, nas mãos dele, vira um show à parte. O resultado é sempre diferente daquilo que o espectador espera. E, convenhamos, isso é difícil de ver em uma série hoje em dia. Sinto falta daquela quebra de expectativa, mas isso foi sanado em Breaking Bad.


Então, depois de descobrir que ele pode produzir a Crystal (metanfetamina), ele procura o Jesse Pinkman. Jesse era um aluno do Walt. Visivelmente transtornado. O cara é doidinho de pedra (kinda dummy) e fede a simpatia. É impossível não gostar do Jesse! 

A história prende. Não dá pra assistir só um episódio por dia e, quando você percebe, já se sente parte daquele universo. Vê diferentes pontos de vista. No ângulo de quem consome, de quem produz, de quem vende, de quem defende e de todo mundo que está em volta disso. O mundo do crime é organizado, rapaz!

Quem é quem?

Walter White - Dispensa apresentações. É o cara que tem a vida onde a zoeira never ends.









Jesse Pinkman - Parça do Walt. Alopradozinho. Viciado, traficante, engraçado, burro e simpático. 
O Jesse é o típico adulto com resquício de adolescência. 

Skyler White - Ela é a esposa do Walt, além de ser insuportável. Confesso que vivi uma dualidade de amor/ódio pela Skyler. É o tipo de personagem que ou você gosta ou tem vontade de dar um tiro. Não necessariamente nessa ordem.








Walter Junior - Obviously, é o filho do Walter. Tem paralisia cerebral e é um rapaz muito sincero. Ele tem aquela síndrome de jornalista. Quer sempre saber de tudo e acha que ninguém tem o direito de esconder algo dele. "Why anybody tell me what is happening? I need to know!!!!" 
Ah, e depois a criatura troca de nome por conta própria. Tá, né?!






Hank Schrader - Agente policial da divisão da Narcóticos. Ah, é o cunhado do Walt também! Muito perspicaz, não larga o osso enquanto não encontrar aquilo que procura e, cá entre nós, isso chega a ser chato em alguns momentos. Afinal, em Breaking Bad o espectador quer que o crime vença and fuck the police.







Marie Schrader - Irmã da Skyler e esposa do Hank. Cleptomaníaca e chata. 
A Marie tem o poder de irritar até quem não assiste a série.









Saul Goodman - Você cursa Direito ou já é advogado? Prepare-se para pensar muitas vezes em "mas isso no Código de Ética da OAB...".
O Saul é 70% malandragem e 30% Direito.
Porque as vezes precisamos de um advogado criminoso, não de um advogado criminal, né verdade?!







Bom, tem muitos outros personagens... mas para conhecer todos você vai ter que assistir a série. Super recomendo!
Tente não chorar, ok?! 

Você pode assistir a série toda online. Dublado ou legendado, como preferir.



2 comentários:

  1. concordo mesmo com tudo isso
    meu personagem favorito é o irmãozinho do jesse. o muleque conquistou

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, aquele que é chegado numa erva aos 6 anos de idade? kkk

      Excluir

Sua opinião é muito importante! Comente!

class='title'>Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Pin It button on image hover